Eduardo Gira?o

Neste ensaio, Girão nos apresenta a arquitetura, a tradução que o homem fez da natureza. Em um movimento espiral e circular, nosso olhar percorre as imagens. Acompanhamos o percurso da luz e sua transição entre o preto e o branco.